PT E PAULO CÂMARA – AMIGOS E RIVAIS



Tendo rompido em 2014 devido a tentativa de Eduardo Campos em se tornar presidente, PSB e PT foram adversários durante aquelas eleições, e mesmo após a morte de Eduardo Campos, como o PSB insistiu na candidatura de um presidente com Marina Silva, não faltaram declarações de ambos os lados falando mal da capacidade política dos candidatos.

Devido a isso, na época das eleições de 2014 Lula fez uma declaração com sua opinião de Paulo Câmara, segundo ele paulo Câmara não seria o “resultado de tudo aquilo que eu não acredito”

Nessas eleições o PT se aliou novamente ao PSB e por isso apoia a candidatura de Paulo Câmara, parte dessa aliança para Pernambuco também inclui o MDB, antigo PMDB, partido de Michael Temer, a quem durante e após o impeachment de Dilma juraram nunca mais se aliar, pois consideravam todos “golpistas”.

É importante lembrar o que foi dito, o que foi prometido e o que foi declarado, para se perceber a diferença de uma mudança de pensamento, para simplesmente uma nova e conveniente aliança política em busca de mais votos.


Por Alice Drake

Comentários