FECHAR STF? HADDAD NUNCA REPREENDEU OS SEUS POR DIZER ISSO



Há quatro meses o filho do Bolsonaro, Eduardo Bolsonaro fez uma declaração sobre o fechamento do Supremo Tribunal Federal (STF) e Haddad fez declarações alertando a todos de como essa fala é preocupante e ameaça a democracia, mas nunca foi contra seu plano de governo, nem José Dirceu e muito menos o advogado de Lula e deputado Wadih Damous.

Analisando todos os fatos e levantando os acontecimentos, temos agora perto das eleições a fala de quatro meses atrás de Eduardo Bolsonaro sendo divulgada na internet. E repreendida por vários membros do STF, até mesmo chegou-se a se cogitar que ele deveria ser investigado sobre a Lei de Segurança Nacional art.17.

Art. 17 - Tentar mudar, com emprego de violência ou grave ameaça, a ordem, o regime vigente ou o Estado de Direito.
Pena: reclusão, de 3 a 15 anos.

Colocamos aqui o trecho do vídeo onde Eduardo Bolsonaro faz a declaração e deve-se dizer que  ele na verdade fazia uma citação a algo que se dizia por ai. Mesmo assim, a frase foi irresponsável, pois se sabe que esse é o tipo de frase que seria usada contra seu pai em período de eleição. Carlos Velloso ex -ministro do STF minimizou a fala declarando que essa movimentação realizada em torno da declaração de Eduardo Bolsonaro “mostra uma enorme falta de sintonia. Coisas irrelevantes passam por relevantes”.

Bolsonaro declarou :
“É  Meu filho. A responsabilidade é dele. Ele já se desculpou. Isso aconteceu há quatro meses. Ele aceitou responder uma pergunta sem pé nem cabeça, e resolveu levar para o lado desse absurdo aí. Temos todo respeito e consideração com os demais poderes, e o Judiciário obviamente é importante”



Num episódio anterior em que José Dirceu foi acusado de ter feito a mesma ameaça, O General Morão chegou a mencionar que se ele dissesse uma coisa dessas a reação seria muito diferente e foi exatamente o que aconteceu com Eduardo Bolsonaro. José Dirceu que era sim ligado a campanha de Haddad na época das declarações em que sugeria que deveriam tirar os poderes do STF, não teve a mesma mobilização pelo STF que Eduardo Bolsonaro vem tendo hoje em dia.



Para quem não viu a declaração de José Dirceu ela ainda se encontra na disponível na internet e foi dada para o Portal AZ do Piauí.


Não é a primeira vez que alguém ligado ao Partido dos Trabalhadores fez qualquer tipo de declaração sobre o fechamento do STF, deputado federal Wadih Damous (PT-RJ), que recebeu autorização do Tribunal Regional Federal da 4ª Região para ser advogado de Lula, também fez uma declaração sobre o fechamento do STF, na época devido a decisão do ministro Gilberto Barroso, que foi uma indicação para ser ministro do próprio PT, a decisão, segundo Wadih, teria ajudado a colocar Lula na cadeia. Ele em seu discurso diz claramente que o STF deve ser enquadrado, ou esse enterraria a democracia brasileira. Além de pedir o controle também da imprensa.


Os Pingos nos Is comentou a declaração de Eduardo Bolsonaro e também uma antiga declaração de Mourão, relembrando de como eles caíram em perguntas que tinham a função de fazê-los dar respostas que os comprometeriam. Também lembrou que Haddad nunca repreendeu o advogado de Lula por sua declaração explicita de pedido de fechamento do STF e também nunca repreendeu José Dirceu por suas declarações.




Devemos lembrar novamente que já colocamos o plano de governo do PT nesse blog, se não o viu pode vê-lo aqui, e no plano de governo do PT está declarado que ele pretende instituir o controle social de todos os poderes e do ministério público.


Por Alice Drake


Comentários