FRASES

CRIMINALIZAÇÃO DO ARRASTÃO



Flávio Bolsonaro apresentou projeto para tipificar o crime de arrastão, acontece que hoje o crime não tem tipificação criminal e é tratado como roubo o faz com que não se possa aplicar agravamento de pena sobre o ato, segundo a proposta de Flávio Bolsonaro. Nessa proposta o crime de arrastão sendo tipificado se resultar em danos ao patrimônio alheio tem como pena 8 a 15 anos de cadeia e multa, se utilizar violência e ameaça de morte tem como pena 10 a 20 anos de cadeia e multa, se resultar em lesão corporal tem como pena 12 a 24 anos de cadeia e multa, se resultar na morte de alguém a pena será de 20 a 30 anos de cadeia e multa. Além de aplicar agravamento no caso de aliciamento de menores, se impossibilitar a defesa da vítima e se for planejado, só podendo ser reduzida no caso de nenhum bem móvel chegar a ser roubado.

O crime de arrastão tem sido praticado tanto em lugares fechado, quando em abertos em situações em que as vítimas são encurraladas e não podem escapar, como engarrafamentos, shoppings, praias, etc. O criminosos se aproveitam do volume de pessoas e da confusão gerada por eles para roubar suas vítimas, muitas vezes usando da violência e destruindo patrimônio público e privado. Flávio Bolsonaro acredita que as penas atuais não tem coibido os criminosos de praticarem o crime, além de se valerem do uso de menores, acredita que com penas maiores e mais rígidas o crime será coibido com mais eficiência. 

Deixo uma cópia da proposta para que possam ler. Lembramos que é comum que a lei se modifique para se adequar a novas modalidades de crimes. E esperamos que o aumento da punição diminua a modalidade do crime. Principalmente em eventos. 



 


Por Alice Drake 

Enviar um comentário

0 Comentários