FRASES

NEGOCIAÇÕES DE ELEIÇÕES PREJUDICA ESTADOS E MUNICÍPIOS


Como já tinha escrito antes, o grupo do Centrão estava negociando a saída dos funcionários públicos dos estados e municípios  da Reforma da Previdência, isso porque as negociações da reforma estaria atrapalhando as negociações das eleições do ano que vem e parece que eles obtiveram exito, mesmo que Rodrigo Maia garanta que isso  não signifique que as negociações terminaram e que ainda serão consultados Prefeitos e Governadores sobre isso. 

Para esclarecer porque isso prejudica os estados e municípios vou pegar aqui o exemplo do Rio Grande do Sul, que tem um deficit previdenciário que saiu do R$ 4 Bilhões em 2007 para R$ 11,6 Bilhões. Hoje o estado não tem viabilidade de investimento devido ao gasto com folha de servidores e serviços previdenciários.

O relatório de Samuel Moreira ainda antecipou: “Lamentamos profundamente que o contexto político tenha criado dificuldades incontornáveis à imediata extensão das alterações feitas no regime previdenciário dos servidores às demais unidades federativas.” 

Deixo esse texto para posteridade, porque como já disse, quando os municípios e estados tiverem problemas com a previdência, eles iram recorrer aos recursos federais. Além disso, fica aqui mais uma comprovação que para muitos políticos as eleições são mais importantes que a economia do país. 

Por Alice Drake

Enviar um comentário

0 Comentários