FRASES

MPF TOMA MEDIDAS PARA IMPEDIR TRANSPORTE ESCOLAR IRREGULAR EM PANELAS



A notícia que saiu em vários meios de comunicação, incluindo o G1 de Caruaru, informando que o MPF pediu liminar para impedir o repasse de recursos de transporte escolar irregular para Panelas. Segundo o Ministério Público Federal, ao invés de ter transporte escolar próprio, os alunos da zona rural  usavam um serviço informal, eles gastavam o dinheiro para que pequenos caminhões de carroceria abertos, não documentados, nem equipados adequadamente, entre outras irregularidades fiscalizadas pelo DETRAN, os levasse até a escola.

Panelas então recebeu pela Justiça Federal o prazo de 60 dias para fazer licitação para contratação de transporte escolar, ou para adquirir veículos para realizar o serviço diretamente aos estudantes. Caso não cumpra terá que pagar multa, conforme o Ministério Público Federal informou ao G1 de Caruaru. Procurada pelo canal de notícia a Prefeitura disse que não foi notificada.

A Prefeitura de Panelas não consegue entender que existe um veículo adequado a cada função e insiste em disponibilizar sempre o veículo errado. Não é de hoje que vemos vários relatos dessas irregularidades e problemas de transporte escolar na cidade de Panelas, e não é de hoje que a população reclama do descaso que a Prefeitura tem com o estudante Penelense, principalmente aqueles que não moram no centro. O problema não passou desapercebido pelo Ministério Público Federal que está notificando a prefeitura que ela disponibilize um transporte escolar decente ao cidadão Panelense, sobe penalidade de multa, já que a prefeitura não quer atender as necessidades da população que a elegeu e da qual é empregada. Isso não é uma questão e problema de alguns, quando mexem com a educação, mexem com toda a população. Aguardemos que a prefeitura cumpra o prazo e se não cumprir vai ser cobrada incansavelmente, assim como sempre é quando se recusa a fazer o certo.

Por Alice Drake




Enviar um comentário

0 Comentários